Já imaginou não precisar mais criar protótipos reais para fazer a simulação de um novo produto, serviço, processo ou até mesmo de um medicamento? Com Digital Twin ou gêmeos digitais, é possível.

Esta é uma revolução na indústria 4.0 que teve início nos anos 2000 por meio do trabalho do engenheiro e cientista americano Michael Grieves, ex-consultor da NASA, no entanto o digital twin começou a ser utilizado pelo mercado somente há alguns anos.

A tecnologia tem função de fazer uma cópia idêntica de um produto físico, serviço ou até de um processo e atua especificamente como uma simulação digital detalhada dos mesmos substituindo a criação de protótipos reais. Esse gêmeo digital só é possível por conta de sensores que são instalados no produto físico ou gêmeo físico, onde por meio deste é feita a coleta de dados do comportamento e características do gêmeo físico e desta forma atualizar o gêmeo digital tornando-o mais fiel possível.

Com Digital Twin se pode acelerar o ciclo de desenvolvimento de produtos, reduzir custos de fabricação e manutenção devido ao fato de que não será mais necessário fazer o design de um produto, a prototipagem e os testes, mas sim uma representação detalhada destes em um ambiente digital que simula as condições reais de uso de um produto físico, serviço ou processo e quanto mais informações estiverem presentes nessa simulação, mais eficaz será a identificação de possíveis problemas no projeto e quais os pontos que pode ser melhorados.

Quando imaginamos uma tecnologia desta grandeza focamos apenas na área industrial, porém essa nova tecnologia pode ser aplicada em diversas áreas, como a área da saúde, por exemplo, para simulação da absorção de medicamentos pelo corpo humano, e desta forma estudos poderão ser feitos sem a necessidade de voluntários reais.

Digital Twin é uma tecnologia que auxiliará diversas áreas e processos a manterem a melhoria contínua, porém com um custo menor e uma maior facilidade na identificação de falhas.

Consultora de Projetos Eng. Gabriela Luiza Tafner

Assine nossa

Newsletter

error: Conteúdo Protegido